Reitor da UniRovuma pede mais pragmatismo aos novos quadros dirigentes

O Magnífico reitor da Universidade Rovuma (UniRovuma), Prof. Doutor Mário Brito dos Santos, pediu aos novos quadros dirigentes um maior pragmatismo nas suas acções, privilegiando o companheirismo, o profissionalismo e a comunicação em prol dos objectivos perseguidos por esta instituição de ensino superior.
 
Dos Santos falava na tarde desta Segunda-feira, em Nampula, depois de empossar novos directores, directores-adjuntos, chefes de departamentos e de repartições, num total de 19 quadros.
 
Para o Magnífico reitor, “ser chefe não depende de idade, de longa experiência, de um sorriso simpático, mas da predisposição de trabalhar em colectivo, depende de saber tratar os bens públicos, saber ouvir e comunicar-se em tempo útil.”
 
Ele exigiu aos empossados muita responsabilidade e comunicação, este último desiderato considerado pelo reitor como um autêntico calcanhar de Aquiles na instituição, acrescentando que “não encontramos, ainda, um antídoto, uma vacina para estancar este mal”.
 
Segundo o Prof. Brito dos Santos, com o juramento dos novos dirigentes dá-se início o percurso para resolver-se o problema comunicacional dentro da instituição, visto que a sã comunicação acalma as mentes, resolve eventuais os problemas ajuda os funcionários a melhor se compreenderem.
 
“Muitas vezes, nós nos abstemos em comunicar aos nossos colegas algo institucional em tempo útil, esperando que haja problemas onde não deviam existir”, sublinhou dos Santos.
 
Dentre os empossados figuram os Mestres Juma Muteliha, nomeado para o cargo do Assessor para a área Administrativa e Finanças, Alcido Juaniha, para Director Financeiro, Lucília Consolo, para o Centro de Conferências da UniRovuma.
 
Tomaram igualmente posse os Prof. Jaime Murambire, para o cargo do Director Cientifico, Arlindo Juliasse, Director-adjunto da Faculdade de Educação e Psicologia, chefes de Departamento e Repartições para as área académicas e administrativas.

Imprimir   Email