brevemente

brevemente

VISÃO

A Universidade Rovuma pretende ser uma instituição de ensino superior de qualidade e excelência no processo de ensino e aprendizagem e nos serviços de pesquisa e extensão a nível nacional, regional e internacional.

MISSÃO

A Universidade Rovuma tem como missão formar técnicos superiores com qualidade de modo a que contribuam de forma criativa para um desenvolvimento económico sociocultural sustentável.

VALORES

Excelência Académica | Cultura Académica | Liberdade de Pensamento e de expressão | Autonomia | Internacionalização | Humanismo e Integridade | Igualdade e Equidade | Reforço da cidadania, do patriotismo, da consciência cívica e ética | Laicidade | Inserção comunitária | Inovação e criatividade

visualização: 775

Num ambiente carregado de emoção e entusiasmo, o Magnífico Reitor da Universidade Rovuma, Prof. Doutor Mário Jorge Brito dos Santos, foi recebido com pompa e circunstância na Extensão de Lichinga, no quadro da sua apresentação como timoneiro desta nova instituição de ensino superior.

A sua chegada ao Campus de Chiuaula, a meio da manhã de Terça-feira, Brito dos Santos foi recebido por um grupo de dança local, em que um dos membros cobriu o MR com uma capulana e outro ofereceu-lhe uma tigela com biscoitos feitos na base de batata-doce, que significa um simbolismo tradicional em reconhecimento da chegada de um chefe.

O Prof. Dr. Brito dos Santos mostrou-se surpreendido com a recepção, mas teve que se conformar com o tradicionalismo local, retribuindo o gesto através de acenos e saudações durante alguns minutos, mesmo em frente da biblioteca do campus, onde ocorreu o processo eleitoral para a escolha dos membros do Conselho Universitário.

Este foi o primeiro acto que marcou a sua apresentação pública na Extensão de Lichinga, onde na Quarta-feira vai participar, igualmente, na cerimónia de graduação de cerca de 50 estudantes do Ensino Básico em regime à distância.

 

Reitor pede apoio de todos

O primeiro acto nesta extensão foi um animado encontro com os estudantes, no qual Brito dos Santos explicou a origem da nova universidade e aquilo que se pretende que a mesma seja de agora em diante, pedido o envolvimento de toda comunidade universitária para se atingir esse objectivo.

Segundo o reitor, o surgimento da UniRovuma dá a possibilidade para se abrirem portas para realização de outras actividades diferentes daquelas que orientavam a antiga Universidade Pedagógica.

“Queremos que a nossa universidade se oriente muito mais para a prática e reduza a teoria e, por isso, temos que discutir em conjunto as melhores vias para conseguirmos atingir esse propósito; não queremos decidir sozinhos”, explicou o Magnífico Reitor da UniRovuma.

Em resposta a uma pergunta em torno da introdução de novos cursos que darão corpo a essa prática, Brito dos Santos respondeu ser ainda prematuro defini-los, deixando essa decisão para os futuros encontros dos órgãos técnicos e de decisão da universidade.

“Os desafios que nos esperam são muitos e diversificados, e um deles é a mobilização de novos recursos para a universidade, e devemos nos envolver a todos para chegarmos até lá e não queremos excluir a ninguém nesse processo, por isso estamos a eleger hoje os vossos representantes para o Conselho Universitário”, clarificou Dos Santos.

Dentre outras preocupações apresentadas, os estudantes pediram ao reitor que use todos os meios ao seu alcance para que a UniRovuma tenha boa imagem e não transporte consigo alegadas más práticas supostamente ocorridas na extinta Universidade Pedagógica de Moçambique.

Eles referiram-se ao atraso na emissão de certificados, na corrupção traduzida na extorsão de dinheiro aos discentes e aos assédios sexuais em troca de notas e passagens, entre outras anormalidades.

O MR foi cauteloso ao responder essas preocupações, insistindo na apresentação de provas concretas, principalmente com os casos relacionados com os assédios sexuais.

“Deixemos para trás tudo o que não era boa prática, não queremos herdar esses aspectos nocivos. Denunciem os assédios sexuais e actos corruptos, mas devem produzir provas concretas que nos facilitem agir contra os docentes envolvidos”, apelou o reitor.

Ainda na Terça-feira, o Magnífico Reitor da UniRovuma reuniu-se com o Corpo Técnico Administrativo (CTA), seguindo-se, no final da tarde, um encontro com o Conselho de Direcção alargado aos chefes de departamentos e repartições e directores de cursos.

Vasco da Gama